As 11 maiores mentiras da república no Brasil.

“Quanto às minhas opiniões políticas, tenho duas, uma impossível, outra realizada. A impossível é a república de Platão. A realizada é o sistema representativo [a Monarquia]. É sobretudo como brasileiro que me agrada esta última opinião, e eu peço aos deuses (também creio nos deuses) que afastem do Brasil o sistema republicano porque esse dia Leia mais… »

O conto de fadas da república

O Reino da Espanha investigou e indiciou 95 pessoas envolvidas em corrupção política na27 Espanha. Tudo por causa de um suposto esquema de vendas de alvará de construção na prefeitura da cidade de Marbella. Incrível! Alguém consegue imaginar algum prefeito brasileiro sendo indiciado por causa de uma “bobagem” como venda de alvarás? Todo mundo vende Leia mais… »

Farra com seu dinheiro. Os terroristas agradecem.

Os brasileiros sofrem com as queimadas que devastam fazendas e destroem cidades. Além disso, a irresponsabilidade republicana permite a ocorrência de enchentes que desabrigam milhares de brasileiros todo ano. E o brasileiro, para variar, não pensa com seriedade sobre o assunto e prefere jogar a culpa de tudo na “mudança climática”.

Plebiscito de 1993: a fraude que não chocou o Brasil.

O Plebiscito de 1993 foi uma fraude eleitoral regulada pela lei 8.624 de 4 de fevereiro de 1993 cujo grande objetivo foi legitimar, após 104 anos, o golpe militar que impôs a república no Brasil em 15 de novembro de 1889. Ironicamente, ele ocorreu em 21 de abril de 1993, dia de feriado que presta Leia mais… »

O que é Democracia. Conceito, definição e significado

Introdução O que é democracia? Há dezenas de estudos a respeito do tema. Como os livros “O que é a Democracia?” de Alain Touraine (300 páginas) e “O que é a Democracia?” de Simone Goyard Fabre (400 páginas). Mas todos eles possuem algo em comum: após a leitura, a pergunta continua em suspenso e o Leia mais… »

3º Programa Nacional de Direitos Humanos do governo federal ofende a liberdade religiosa

O 3º Programa Nacional de Direitos Humanos do Governo Federal, dentre os vários equívocos, também proíbe a ostentação de símbolos religiosos em locais públicos, erro mais grave de todos. A medida está no “Objetivo estratégico VI”, alínea c, página 100 do relatório. Sou servidor da Justiça Federal. Onde trabalhamos havia um crucifixo na sala de audiência. Leia mais… »