Desastre em Mariana, MG. Uma análise politicamente incorreta

O desastre foi causado por um TERREMOTO que resultou no rompimento da barragem. Não tem nada a ver com “ganância”, até porque a represa estava dentro das especificações exigidas pela Lei. Isso apenas mostra como o governo usa uma tragédia natural para justificar mais concentração de poder na mão de políticos: mais regulamentação, mais restrições Leia mais… »

A prova de redação do ENEM 2015 foi um deboche com as pessoas estudiosas.

60000 assassinatos por ano. 91% são homens[1]. E aí a redação do ENEM é sobre “violência contra a mulher”… Sério? Homens apanham de mulher o tempo todo, mas não se pode falar nada porque é feio falar a verdade politicamente incorreta: que mulheres são mais violentas com os homens e que homens sofrem mais violência, Leia mais… »

A alegria dos escravos

Hoje muita gente “de direita” ficou feliz porque a comissão da Câmara dos Deputados aprovou a definição de família como a união entre homem e mulher. Apesar de essa ser incontestavelmente a família natural, enfim, aquela formada pela natureza, nós não somos simples animais no meio da floresta. Somos humanos livres e vamos muito além Leia mais… »

A barbárie travestida de “justiça social”

Eu pergunto: qual a razão de se reservar vaga para “deficiente” se, para dirigir o carro, o sujeito não é deficiente? Não é racional tal exigência. Na verdade ela cria uma distinção irrazoável em favor de uma pessoa sem nenhuma função de justiça. Trata-se de medida discriminatória e desrespeitosa com outras pessoas que também pagam Leia mais… »

Brasileiro: a nova língua.

O Brasil foi estado de Portugal até 1822. Depois, tornou-se independente. Entretanto, em relação à língua, manteve-se vinculado à velha terra. Seria natural que nosso país continuasse a usar a língua de Camões, apesar da independência política. Mas, a independência também atingiu a língua. Toda essa reviravolta começou com a “presidenta” do Brasil, Dilma Rousseff. Leia mais… »

O fim da Europa livre: o perigo do islamismo radical

A Europa está em extinção, o islamismo radical a devorará inteira. E será o início de uma nova era para o ocidente na qual a palavra “liberdade” adquirirá um sentido diverso do qual hoje se lhe atribui. Há três causas principais: 1) o crescimento exponencial da população islâmica radical na Europa, 2) a opção dos Leia mais… »

Obama e o Barão de Cotegipe

Foi muito comemorada a eleição de Barack Obama a presidente dos EUA por ter sido o primeiro negro a ocupar o cargo. Curiosamente, não foi nesses termos que o próprio Obama se definiu diante das câmeras de TV. Tive a oportunidade de ouvi-lo declarar que não era branco nem preto, mas mulato. Mãe branca e Leia mais… »

Enchentes na região serrana do Rio de Janeiro: o outro lado da “tragédia”

“A República tem vivido de leis pessoais, de reações pessoais, de atos pessoais do Poder Executivo e do Poder Legislativo. […] E a responsabilidade dessa atitude, o hábito de não prever as eventualidades previsíveis do dia de amanhã, tem sido a desgraça, a ruína e a miséria da situação.“ (Rui Barbosa. Senado Federal. Rio de Leia mais… »

Aplicabilidade das Normas Constitucionais – José Afonso da Silva

Resumo Trata-se de texto dissertativo que explica os conceitos constitucionais clássicos elaborados pelo douto jurista José Afonso da Silva, dentre eles: a) a eficácia das normas; b) as normas constitucionais de eficácia plena, c) as normas de eficácia contida e d) as normas de eficácia limitada. Este texto não substitui o magnífico trabalho elaborado pelo Leia mais… »

Abaixo a ditadura da magreza! Viva com mais saúde.

Dentre todas as aberrações que marcaram o final do século XX e o início do XXI, a ditadura da magreza é o pior deles porque envolve a imagem que o ser humano tem de si próprio. Desde tempos imemoriais o ideal de beleza sempre foi definido por três fatores fundamentais: a) a natureza; b) a Leia mais… »